31.7.14

31 de julho – A história nunca termina


Lembrar de quem fez um mundo em livros e mostrou que podemos ir além de suas páginas, pois a nossa imaginação não deve ter limites. Histórias que acompanham gerações e uma data que está longe de ser esquecida.

É impossível negar a alegria de abrir um de seus livros e entrar no cenário mágico que nos envolveu por anos, e que com certeza continuará presente por longos anos.

Agradecer a quem tornou tudo isso possível. Quem proporcionou a alegria de chegar numa sala de cinema e ver uma das melhores histórias lidas tomarem vida. A alegria de rir junto com os personagens e chorar com a perda de alguns.

Desejo apenas que a idade não nos faça perder a emoção de abrir aquelas páginas e nos sentir em casa.

A história que amamos nunca termina. Se você voltar às páginas ou olhar para a tela novamente, Hogwarts estará lá para te receber de braços abertos.



*Momento: Não gosto de usar, mas amo esse gif. ^^
20.7.14

#100happydays

Mais uma semana do desafio. Para quem não conhece, fiz uma postagem no comecinho da semana explicando tudinho sobre o projeto









E para quem quiser acompanhar, basta seguir no Instagram!

Beijos
17.7.14

6 livros para ler nas férias

Sempre passo o semestre inteiro desejando as minhas férias da faculdade, mas quando enfim chegam não faço nada. Dessa vez resolvi escolher alguns livros que quero muito (muito mesmo!) ler. Ainda estou com dois que preciso terminar (e logo vou postar as resenhas aqui no blog), mas para quem começou as férias na semana passada, ainda tem muito tempo para ler mais alguns. Enfim.



1. Quando você voltar
Como tantos casais, Michael e Jolene não resistiram às pressões do dia a dia e agora estão vendo seu relacionamento de doze anos desmoronar. Alheio à vida familiar, Michael está sempre mergulhado no trabalho, não dá atenção às duas filhas e não faz a mínima questão de apoiar a carreira militar da esposa. Então Jolene é convocada para a guerra. Ela sabe que tem um dever a cumprir e, mesmo angustiada por se afastar de casa, deixa para o marido a missão de cuidar das meninas e segue para o Iraque. Essa experiência mudará para sempre a vida de toda a família, de uma forma que ninguém poderia prever.

2. Depois dos quinze
Bruna Vieira tem 18 anos, é colunista da Revista Capricho e dona de um blog chamado Depois dos Quinze. Começou a escrever porque descobriu que o amor da sua vida era na verdade o amor de uma das centenas de fases que ela já viveu. Desde então, com a ordem das palavras escritas e compartilhadas nas redes sociais, Bruna superou a timidez, viajou para a Europa, fez duas tatuagens, mudou de vez para São Paulo e tornou-se uma das adolescentes brasileiras mais influentes da internet com milhares de fãs-leitoras-amigas-seguidoras. Nesse livro você encontra uma mistura de histórias, desabafos e segredos de uma garota que nasceu no interior, ama animais, usa boinas coloridas e ainda acredita no amor simples e verdadeiro.

3. O caminho para casa
Uma história inesquecível sobre a capacidade de cura do coração, a importância da família e a coragem necessária para perdoar as pessoas que amamos. O caminho para casa aborda questões profundas sobre maternidade, identidade, amor e perdão. Comovente, transmite com perfeição e delicadeza tanto a dor da perda quanto o poder da esperança. 

4. Confie em mim
Os primeiros relatórios não revelam nada importante. Porém, quando eles já começavam a se sentir mais tranquilos, uma estranha mensagem muda completamente o rumo dos acontecimentos: "Fica de bico calado que a gente se safa."

Perto dali, a mãe de Spencer, Betsy, encontra uma foto que levanta suspeitas sobre as circunstâncias da morte de seu filho. Ao contrário do que todos pensavam, ele não estava sozinho naquela noite fatídica. Teria sido mesmo suicídio?

5. Seis anos depois
Primeiro lugar na lista de mais vendidos do The New York Times. Harlan Coben já vendeu mais de 60 milhões de livros no mundo. Em Seis Anos Depois Harlan Coben usa todo o seu talento para criar uma trama sensacional sobre um amor perdido e os segredos que ele esconde. 

6. Se eu ficar
A última coisa de que Mia se lembra é a música. Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais, mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas. Se ela ficar...

E aí, quais livros vocês vão ler nas férias?
Beijos
 
Desenvolvido por Michelly Melo. Todos os direitos reservados. Versão 9. Seja criativo!