31.8.14

Confie em mim (Harlan Coben)



Este sim é um dos escritos atuais que eu adorei conhecer. Além de uma escrita envolvente, Harlan Coben é capaz de despertar o interesse do leitor. Por mais simples, trivial, que possa parecer determinado acontecimento, mas adiante ele é capaz de provar que são os detalhes que completam a história. "Confie em mim" é um de seus títulos publicado pela Editora Arqueiro em 2009 e traz uma história surpreendente e ao mesmo tempo aborta temas atuais que merecem ser discutidos.

Assim como o título, a história trata-se principalmente sobre confiança e até que ponto os pais podem invadir a privacidade de um filho para protege-lo do mundo.

Após o suícido do seu melhor amigo, Spencer Hill, Adam que sempre foi uma criança feliz e divertida, tornou-se cada vez mais triste, fechado e revoltado com sua família. Talves não pudessem imaginar como, mas seus pais sabiam que a morte do seu melhor amigo tinha o afetado que foi capaz de afasta-lo de todos.

Preocupados com essa mudança, Tia e Mike resolvem espionar as atividades do filho no seu computador pessoal. Monitorando cada site e conversa de Adam, os dois começam a se sentir mais tranquilos até que uma descoberta muda tudo. Enquanto procuram um meio de impedir que algo de ruim aconteça, Adam desaparece misteriosamente.

Primum non nocere. Não é o que aprendemos na faculdade? "Primeiro de tudo, não provoque nenhum dano."

Equanto isso, a Chefe de Investigações, Loren Musse, precisa encontrar uma forma de superar o preconceito dos seus subordinados que não querem uma mulher como chefe. Ao mesmo tempo terá que lidar com outro grande mistério: o assassinato de duas mulheres e que tudo a leva a acreditar cada vez mais que os crimes podem estão ligados.

De forma repentina, violenta e trágica, essas histórias irão se unir, mostrando ao leitor a importância de todos os fatos apresentados.

A tristeza das canções é um sofrimento seguro. Controlado. Quase uma diversão. Quando ouvimos uma música triste, ficamos imaginando que a dor real seja como aquela. Mas não é. (...) Não é possível se preparar para a dor real. Simplesmente nos deixamos dislacerar por ela.



Como eu havia dito, nada durante a leitura pode ser descartado. Cada história tem o seu significado para desventar todo o mistério. Ainda que seja difícil de imaginar no começo da leitura, o autor irá provar ao leitor, de forma brilhante, como nada ficará sem uma explicação.
30.8.14

Ninguém espera, mas acontece...


Ei! Tudo bem com vocês?

Faz um tempo que estou para escrever este post. Depois que eu comentei no Twitter, recebi alguns mensagens perguntando como tinha sido o TCC e por que não deu certo. Então resolvi contar um pouquinho a parte que nem sempre é um mar de rosas.

Que o TCC não é fácil, não é novidade. Que muitas coisas no caminho dão errado, todo mundo sabe. Que você se mata para terminar tudo no prazo, todo mundo sabe. O que ninguém espera é que no fim, mesmo depois de todo o esforço, você não consiga chegar lá.  Não vou dizer que não houve falhas durante o projeto, porque houveram (e muitas!) e talvez tenha sido esse o problema. Detesto ser o tipo de pessoa que faz algo em grupo e quando não dá certo joga a culpa nos outros, então não vou fazer isso. Todos somos bem grandinhos para entender e aceitar o significado do trabalho em "equipe". Isso quer dizer que se algo der certo foi pelo trabalho do grupo. Assim como. se algo der errado foi pelo (não) trabalho do grupo.

Crescer implica em mudanças. Já disse isso várias vezes por aqui. O problema é que muitas vezes esperamos que a pessoa do nosso lado dê o primeiro passo para quem possamos ir em frente. Não quero dizer que todas as pessoas sejam assim, mas acontece que as vezes é mais fácil se acostumar com isso.

Foi isso o que aconteceu.

Sempre escuto histórias de como foi difícil chegar ao final e como valeu a pena o esforço. Por isso nunca imaginei que estaria aqui hoje, fazendo a mesma matéria novamente. Outro projeto. Outra equipe. O mesmo prazo apertado (3 meses). Poderia criar uma lista, daquelas sempre bem vindas em textos de auto ajuda, que implicariam em várias frases clichês de como isso vai me fazer mudar ou em como lá na frente eu iria entender o motivo de tudo ter dado errado. Mas hoje não. Por ora, estou apenas focada em começar um novo trabalho, entregar no prazo e agradecer pela boa nota (enfim) alcançada.

Beijos!
20.8.14

Vai ter bienal sim! Os detalhes do encontro de blogueiros 2014


Depois da longa espera, enfim chegou! Essa semana começa a 23ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que acontecerá entre 22 e 31 de agosto de 2014 no pavilhão de Exposições do Anhembi.  Assim como na edição de 2012, este ano teremos mais um Encontro de Blogueiros organizado pela Bianca do blog Hello Star.

Eu já falei um pouquinho do encontro deste ano aqui no blog, mas como estamos mais próximos da data vale lembrar os dias, horários e detalhes do evento para que todos possam participar. É imporante lembrar também que o evento não é restrigindo apenas a blogueiros! Qualquer pessoa que goste de ler pode participar.

O encontro acontecerá nos dias:

  • Dia 23/08 às 12h (Praça de Alimentação)
  • Dia 24/08 às 17h30m (Estande Grupo Editorial Novo Conceito)
  • Dia 30/08 às 18h30m (Estande Grupo Editorial Novo Conceito)

Todas as informações estão no vídeo feito pela Bianca. :)

 
Desenvolvido por Michelly Melo. Todos os direitos reservados. Versão 9. Seja criativo!