Seria mais fácil se pudéssemos esquecer

Sabe quando uma frase acaba com todo o seu dia? Às vezes nem precisa ser uma frase. Às vezes só uma palavra, ou até mesmo um olhar, um sorriso... pode mudar o seu dia. A regra é que venha de uma pessoa que você considere importante. Uma pessoa que você goste, ame. Só que como se não bastasse, como se aparecesse do nada, aquela música começa a tocar. Aquela música que te faz lembrar da mesma pessoa. Pronto! Está feito. Você acaba de perder um dia, que até começou bem... mas agora, você só quer chegar em casa e dormir. Dormir e torcer para que tudo passe. Passe e um novo (e melhor) dia começe.

Sinceramente, eu queria que fosse fácil assim: dormir para poder esquecer. Mas não é. Quanto mais você tenta esquecer, mais as lembranças vão te pertubando. Talvez esse seja o erro: tentar esquecer. Acredito que ninguém consegue simplesmente apagar algo da sua memória. Deletar, como se fosse um arquivo qualquer no computador e que não serve mais. Apagá-lo como se nunca tivesse existido. Somos feitos de lembranças. São essas recordações que nos moldam, que fazem com que sejamos assim. Tentar apagá-las, é o mesmo que tentar nos apagar.

O problema é que não é tão fácil assim conviver com essas lembranças. É difícil entender que você poderá aprender com elas. É como diz a Martha Medeiros: "a única solução é inverter o jogo: em vez de tentar não pensar na pessoa, esgotar a dor. Permitir-se recordar, chorar, ter saudade. Um dia a ferida cicatriza (...)". Sim... pensar, pensar e pensar... até que um dia você vai perceber que tudo isso não é mais importante. Você vai perceber que a vida continou, assim como você.

7 comentários:

  1. Que texto maravilhoso! É incrível como eu me identifiquei com ele. E sabe, eu acho que a Martha Medeiros tem razão. É só assim que a gente consegue se livrar do sofrimento que tal pessoa nos causa. :/

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  2. seu blog é tão lindo ;_;
    http://le-petit-macaroon.blogspot.com/
    seguindo aqui ta? <3

    ResponderExcluir
  3. Michelly se eu encontrar um vendedor seguro no brasil de pullip te mando o link certo?
    obrigada pela visita

    ResponderExcluir
  4. Concordo com tudo o que você disse! Acho impossível esquecer mesmo uma coisa, é como você disse, não da para deletar como fazemos no computador coisas que não nos servem mais. Acredito que quanto mais tentamos esquecer uma coisa mais lembramos dessa coisa.
    Adorei isso que a Martha Medereiros disse ;)

    ResponderExcluir
  5. É você que escreve estes textos incríveis? Um melhor que o outro. Parabéns, sucesso!!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. A Martha deu um bom conselho. A verdade é que não dá pra esquecer. A tendência é pensar mais ainda na pessoa, e ficar remoendo, tocando na ferida.

    ResponderExcluir
  7. @Holofotes da Moda Sim, sim. Eu que escrevo :) Que linda, muito obrigada! ^^

    ResponderExcluir