Resenhas

Trago seu amor de volta sem pedir nada em troca Ique Carvalho Ler a resenha
As Coisas Que Fazemos Por Amor Kristin Hannah Ler a resenha
Fortaleza Impossível Jason Rekulak Ler a resenha
Os Três Sarah Lotz Ler a resenha

Slide

Os lançamentosda Editora Arqueiro Confira a lista de livros que serão publicados neste mês! A editora traz livros incríveis para este final de ano.

A MALDIÇÃO DE HOLLOW (NORA ROBERTS) O tempo está acabando. Com o sétimo mês cada vez mais próximo, os nossos seis amigos precisam encontrar algo que detenha Twisse. A cada dia eles conseguem sentir o demônio cada vez mais forte e desta vez ele está usando o medo de cada um para tentar derrota-los.

A CASA DO LAGO (KATE MORTON) "A Casa do Lago" é um romance recheado de mistérios e aventuras. Nele você irá conhecer, a partir do ponto de vista de cada personagem, o mistério que envolve a famosa casa da família Edevane na Cornualha.

O que eu li: Memórias de Sherlock Holmes



Memórias de Sherlock Holmes é o quarta publicação da série escrita por Sir Conan Doyle. Esse livro traz façanhas vividas pelo notório detetive e seu fiel companheiro, na sequência em que foram originalmente publicados na Strand Magazine entre 1892 e 1893.

Como eu disse na resenha sobre o segundo livro da série, Holmes agora encontra-se morando sozinho no velho apartamento da Baker Street. Ainda assim, Watson continua participando (não com a mesma frequência de antes) dos casos que chegam as mãos do detetive.

Entre os onze contos desta publicação estão o "O Estrela de Prata", "O ritual Musgrave" e "O Problema Final". O primeiro mostra Holmes e Watson investigando o sumiço do cavalo favorito de um grande torneio do turfe. Eu gosto muito do jeito que este caso foi descrito. Há tantas desfechos possíveis, mas quando você acompanha a linha de raciocínio de Sherlock Holmes tudo parece tão simples (até mesmo trivial). O que acaba tornando a história ainda mais incrível.

"O ritual Musgrave", relata um dos primeiros casos vividos pelo detetive. Um amigo da faculdade, afetado pela morte do pai, procura por Holmes para descobrir o motivo do desaparecimento de seu mordomo que, antes de este desaparecer, foi pego mexendo em uma gaveta do escritório da família, de onde tirou um documento que, até então, não tinha nenhuma importância. É um dos poucos casos que relatam a juventude de Holmes e traz um desfecho impressionante.

Agora "O problema final" que, na minha opinião, é um dos melhores (para não dizer o melhor) caso criados por Sir Conan Doyle. Este conto é o ápice da carreira de Sherlock Holmes. Depois de se tornar conhecido em todos os cantos do mundo pelo seu excepcional trabalho, Holmes arrisca tudo contra o seu maior inimigo. O único à sua altura, com raciocínio notável e inteligência singular: Professor Moriarty, o "Napoleão do crime organizado", que se empenha em acabar com a carreira de Holmes. Um final triste e que causou grande comoção (e até mesmo revolta) entre os leitores da série. O que fez com que Conan Doyle repensasse no destino que ele havia dado ao mais famoso detetive da ficção.
Se lhe escrevo estas poucas linhas, devo-o à cortesia do sr. Moriarty, que, muito delicadamente, me espera para a discussão final das questões que existem entre nós. (...) Já tratei de tudo o que diz respeito às minhas posses, que deixei a meu irmão Mycroft antes de partir da Inglaterra. Transmita, por favor, meus cumprimentos à Sra. Watson, e creia em mim, para sempre, meu caro amigo.
Muito sinceramente seu,
Sherlock Holmes.


Uma leitura leve e como sempre digo sobre a série, muito bem escrita. Tudo bem. Eu sou um tanto suspeita para falar sobre, já que essa é de longe a minha série favorita. Mas eu gosto muito da narrativa do Conan, além de ele sempre dar um toque singular para cada conto.

Imagens da Semana #1

Postado por:
Como eu já estava pensando em usar mais imagens nos posts, resolvi trazer uma tag nova para o blog. Eu vou postá-la toda segunda-feira, com exceção de hoje (porque já era para eu ter postado, mas fazer o que? a doida aqui esqueceu hehe ;)). Enfim. Como ultimamente eu ando um tanto inspirada (se é que essa é a palavra certa) para tirar fotos, a tag vai servir para postar o que aconteceu durante a minha semana nada agitada. 


Exercícios de Banco de dados, presente da minha tia, meu Furby, textos sobre conectividade.




No domingo foi a festa de aniversário da minha mãe e como sempre minha tia que fez o bolo. Que aliás, estava uma delícia.


Gosto muito de decorações coloridas.


Cupcakes.




Brigadeiros deliciosos.









Tudo bem. Usei muitas fotos do meu domingo, por motivos de que eu adorei as cores de cada uma. Mas eu prometo variar um pouco mais no próximo post. Beijos ♥

Citação: Martha Medeiros

Postado por:

Tags:

JL DESIGNS
Já faz algum tempo que não posto nada desta tag, mas, ainda que não pareça. é uma das que eu mais gosto de postar aqui no blog. Às vezes encontro autores com textos incríveis e que devem ser lidos. Talvez como um exemplo, como algo a se espelhar. E os textos da autora Martha Medeiros são assim.

Já disse aqui algumas vezes que eu adoro está autora. Ela tem uma forma muito verdadeira e real de escrever. Na verdade, eu não sei se saberia colocar em palavras todo o seu talento, mas enfim. Espero que gostem do texto. :)

Tem gente que acha careta, tem gente que acha um luxo. A verdade é que ninguém é indiferente a uma cerimônia de casamento realizada na igreja, com direito a tapete vermelho, marcha nupcial, véu e grinalda. A maioria das garotas sonham com esse momento, o de ser entregue ao noivo pelas mãos do pai e de vestido branco, mesmo que essa simbologia tenha perdido o significado. Os futuros cônjuges podem estar dividindo o mesmo teto há meses e até ter um filhinho, quem se importa? A verdade é que casamento na igreja é um rito de passagem, um momento de bênção e de satisfação à família, aos amigos e à sociedade. O amor pode prescindir desse ritual todo, mas um pouco de pompa e circunstância não faz mal a ninguém.

Já que o casal optou pelo sacramento do matrimônio e quer fazê-lo diante de Deus, o mais seguro é não inovar. Nada de entrar na igreja sob os acordes da trilha sonora do Titanic, casar de vermelho e decorar a igreja com cactus. Você não está numa passarela do Dolce & Gabanna, está na capelinha da sua paróquia: Mendelssohn, velas, copos-de-leite e uma boa Ave-Maria na saída, quer coisa mais chique e inatacável?

Se eu tivesse casado na igreja seria a mais convencional das noivas. Só uma coisa eu tentaria mudar, ainda que levasse um sonoro não: o sermão do padre. "Promete ser fiel na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, amando-lhe e respeitando-lhe até os fins dos seus dias?" Nossa, não é tempo demais? Bonito, mas dramático. Os noivos saem da igreja com uma argola de ouro no dedo e uma bola de chumbo nos pés. Seria mais alegre e romântico um discurso assim:

Ela: "Prometo nunca sair da cama sem antes dar bom-dia, deixar você ver os jogos de futebol na tevê sem reclamar, ter paciência para ouvir você falar dos problemas do escritório, ter arroz e feijão todo dia no cardápio, acompanhar você nas caminhadas matinais de sábado, deixá-lo em silêncio quando estiver de mau humor, dançar só pra você, fazer massagens quando você estiver cansado, rir das suas piadas, apoiá-lo nas suas decisões e tirar o batom antes ser beijada".

Ele: "Prometo deixar você sentar na janelinha do avião, emprestar aquele blusão que você adora, não reclamar quando você ficar quarenta minutos no telefone com uma amiga, provar a comida tailandesa que você preparou, abrir um champanhe no final de tarde de domingo, assistir junto o capítulo final da novela, ouvir seus argumentos, respeitar sua sensibilidade, não ter vergonha de chorar na sua frente, dividir vitórias e derrotas e passar todos os Natais do seu lado".

Sim, sim, sim!!!

Wishlist: novembro

Faz um tempo que eu não posto nenhuma wishlist minha para vocês, mas como neste mês resolvi resgatar algumas Tags que estão paradas aqui no blog, eu escolhi alguns dos itens mas recentes da minha lista de desejados. :)

DVD Valente Um filme que está na minha listinha desde que saiu nos cinemas.

Um Homem de Sorte, A Escolha e A Primeira Vista três livros do Nicholas Sparks. Já disse aqui uma vez que eu gosto muito do estilo de escrita dele. E esses estão entre os livros que eu estou muito ansiosa para ler.

My Adventure Book é um scrapbook que eu conhecia nesta semana através do blog da Mel. Não preciso dizer que eu fiquei apaixonada por ele, não é? :) Primeiro porque ele foi inspirado no filme "Up! Altas Aventuras" e segundo porque ele é simplesmente lindo. Eu estava procurando algo assim para guardar algumas das minhas fotos e ele ganhou o meu coração. Onde comprar?

Morte Súbita o que dizer? É o livro da linda J.K. Rowling, autora da minha saga preferida. Eu adoro o jeito que ela passa a história ao leitor. Em Harry Potter ela conseguiu ganhar o meu coração com cada capítulo, cada livro. Por isso, mal posso esperar para comprar o novo livro da Jô! Tenho certeza que vai ser uma leitura incrível.

Colar Mustache eu achei esse colar lindo na loja Donna Dolce (a mesma que vende o scrapbook). Onde comprar?

Caneca Mustache gosto muito de comprar canecas com desenho diferentes e essa eu encontrei no site Kero Tudo.

Boneco Woody Toy story é o meu filme preferido. Ok, mesmo sendo um filme para criança (pelo menos é o que a minha mãe repete toda vez que eu assisto rs.), eu sou apaixonada pela história e sempre quis ter um desses. 

É isso meninas. Beijos xx

Blog, Faculdade, A Cidade do Sol e Sherlock Holmes

Lembro quando eu voltei das férias e postei aqui que este semestre prometia (e muito). Então, sabe quando você cria tanta expectativa e nada (literalmente nada) acontece? Foi o que aconteceu comigo neste semestre na faculdade. Quando eu olhei a grade curricular do 3º período e vi que tinham duas matérias relacionadas à Web e que eu teria uma matéria voltada à programação em Java eu fiquei muito animada. Mas a animação ficou por ai. Perdida.

Tudo começou com a greve. Pois é, nós tivemos três meses de paralisação nas universidades federais e mesmo com menos de 50% dos professores em estado de greve, foi uma confusão imensa. Acabei perdendo algumas aulas e o resultado: aula até dia 20 de dezembro (se tudo ocorrer bem). Ok, não vai ser tanto tempo como no 1º período, quando as nossas férias eram para ter começado em dezembro de 2011, mas só aconteceram em fevereiro 2012. Ainda assim, tudo isso dá um baita desanimo e deixa muita matéria acumulada para estudar. E por isso o tempo de postagem no blog está um pouco mais longo. Mas acredito que na próxima semana tudo volte ao normal. Já estou terminando de preparar as postagens da semana que vem. Então não ficaremos sem postagens! Uhul.

Mas enfim, vamos ao que interessa. Este mês eu comprei: Memórias de Sherlock Holmes e A Cidade do Sol. Não são lançamentos, mas são livros que estão na minha lista há algum tempo. O primeiro, eu comprei porque eu pretendo terminar de ler toda a série Sherlock Holmes. Que acredito que todos já saibam que é de longe uma das minhas histórias preferidas.



Este é o quarto livro da série e trás contos únicos e impressionantes, mostrando ainda mais o talento do brilhante detetive Sherlock Holmes e seu fiel assistente, Dr. Watson. Os livros da série, escritos por Sir Arthur Conan Doyle, trazem uma narrativa que prende o leitor e o faz imaginar os detalhes de cada caso. O foco aqui não é o final, mas sim todo o contexto, cada personagem e cada pormenor. Tudo é importante. E outra vez, mais do recomendo a série! É uma leitura que realmente vale a pena.
Update: O que vocês achariam se eu sorteasse este livro?



Agora A Cidade do Sol é um dos livros que sempre me indicavam. Já ouvi várias opiniões sobre o livro e a maioria positiva. Mas eu acabava deixando o livro esquecido na minha lista, então eis que encontrei com ele na livraria cultura outro dia e resolvi comprar. Acho que ele toca em um ponto importante e, por tudo o que eu já li sobre, este livro parece mostrar isso de uma forma diferente e até real. Bom, espero que seja tão bom quanto dizem. E eu acho que deverá ser uma boa leitura. :)

Sonzinho da sexta-feira: Ed Sheeran

Postado por:

Tags:

Edward Christopher Sheeran, britânico, cantor e compositor. Nasceu em Halifax, West Yorkshire, tem apenas 21 anos e ficou famoso na internet depois que o vídeo da sua apresentação no Festival de Glastonbury com o single “The A Team” foi visto por milhares de pessoas.

Ed lançou o seu primeiro EP (“Orange Room EP”) em 2005. Mas foi em setembro de 2011, que ele lançou seu CD de estreia “+”, que conta com faixas incríveis, como: “The A Team”, “You Need Me, I Don’t Need You”, “Lego House” e “Small Bump”. O álbum ficou em 8° lugar dos CD’s mais vendidos do Reino Unido, conseguiu 4 vezes álbum platina e na primeira semana, vendeu mais de 100.000 cópias.

Sheeran foi indicado ao Brit Awards nas categorias: Melhor Artista Masculino Britânico, Melhor Revelação Britânica, Álbum Britânico do Ano e Melhor Single Britânico por "The A Team". Além de ter participado do Show de encerramento das Olimpíadas de Londres, cantando Pink Floyd: Wish You Were Here.

1. Lego House (Com participação mais do que especial de Rupert Grint, o nosso eterno Ron Weasley )


2. The A Team


3. You Need Me, I Don't Need You


4. Wish You Were Here (Encerramento das Olimpíadas)

 

Fofo, não? Eu gosto bastante deste estilo e, claro, que do sotaque também! Espero que vocês gostem. 

***
Lembrando:
o blog agora tem uma página no Facebook, curtam lá. :)
DEZOITO PRIMAVERAS - ONLINE DESDE 2012. DESIGN E PROGRAMAÇÃO POR MICHELLY MELO (Eu!). Todos os direitos reservados