A Cabana (Willian P. Young)

Postado por:

Já disse algumas vezes por aqui, mas acho extremamente difícil falar sobre um livro que foi capaz de me fazer pensar e repensar tantas coisas ao mesmo tempo. É como se qualquer descrição que eu tente fazer não fosse capaz de mostrar a sua importância.

São poucos os livros que possuem essa magia. Poucos autores conseguem tocar o leitor de forma tão profunda. E encontrar um livro capaz de te trazer esse sentimento torna a sua vida mais feliz. Exagero? Talvez. Acho que é o mais próximo que consigo chegar de descrever o que alguns livros já me fizeram sentir.

Enfim.

O livro de hoje não está entre os últimos lançamentos, mas está entre os mais vendidos. Sempre tive curiosidade em conhecer um pouco mais sobre essa história e não me arrependo muito de não ter lido antes.

Se você odiar esta história, desculpe, ela não foi escrita para você.

A Cabana” traz a história de Mackenzie Allen Philips, homem religioso e que carrega uma dor imensa. Foi durante um passeio de família em que Missy – a filha mais nova de Mack – desapareceu. Mais tarde, indícios levam a acreditar que a garotinha foi sequestrada e brutalmente assassinada em uma cabana abandonada. Uma perda que deu início a “Grande Tristeza”, fazendo com que Mack perdesse a fé e culpasse Deus pela morte da sua garotinha.

Deus não precisa castigar as pessoas pelos pecados. O pecado já é o próprio castigo, devora as pessoas por dentro. O objetivo de Deus não é castigar, Sua Alegria é curar.

Quase quatros anos depois, Mack recebe um bilhete misterioso irá convidá-lo a retornar a mesma cabana. Intrigado, ele acredita que foi Deus quem enviou o bilhete, ou mesmo o assassino da sua Missy. Disposto a desvendar esse mistério e enfim conseguir respostas para sua “Grande Tristeza”, Mack resolve retornar a cabana, dando início a sua pequena jornada para conseguir as respostas que sempre buscou.

Um Deus infinito pode se dar inteiro a cada um de seus filhos. Ele não se distribui de modo que cada um tenha uma parte, mas a cada um ele se dá inteiro, tão integralmente como se não houvesse outros.

Uma história para ler com a mente aberta, sem preconceitos, sem julgamentos. Willian P. Young apresenta um conceito de fé tão real e ao mesmo tempo diferente do que estamos acostumados. Não é um livro sobre religião, sobre certo ou errado. Este é um livro sobre amor, sobre o seu relacionamento com Deus. Se decidir ler, faça de coração aberto, disposto a refletir sobre a história. Do contrário: este livro não foi escrito para você.
  1. Esse livro é completamente lindo, incrível e marcou a minha vida de certo modo. Li ele quando tinha 16 anos, no momento certo... Sem palavras, incrível demais *---*
    A cada página uma surpresa sensacional, muito amor por este livro apenas, emocionante ♥
    Blog lindo, com certeza vou visita várias vezes, parabéns hiihi
    Beijos
    http://www.ladystronger.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza! É um lindo livro e vale muito a pena a leitura! <3

      Excluir
  2. Tenho muita vontade de ler esse livro, já li tantas resenhas dele que tenho muita curiosidade.
    Minha sogra já me emprestou ele, só falta eu ter um tempinho para ler !
    Bjos.

    http://geekinsana.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Esse livro é MARAVILHOSO, Michelly ♥ Foi o primeiro livro que li. Ele é tão profundo e envolvente; e a história é maravilhosa ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, siim! Meu surpreendi demais com a história <3

      Excluir
  4. Eu, particularmente, não gostei do final da história. Amei como o livro fez a representação de Deus e tudo mais, mas o final eu realmente não gostei :(

    Cheiro de Pipoca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, acho que o que mais me chamou a atenção foi a representação que ele faz sobre Deus, mas também acho que o final poderia ter sido melhor. Gostei dele assim, mas acho que poderia ter valorizado mais. :)

      Excluir
  5. É uma história tão maravilhosa que nem sei como explicar!
    Foi o primeiro livro que me fez chorar ( duas vezes) e já quero ler a terceira haha
    Eu li que talvez esse ano seja lançado o filme, espero que seja tão emocionante quanto o livro <3

    Beijos,
    rodoviadezenove.com.br

    ResponderExcluir
  6. Comecei a ler esse livro, porém tive que abandonar, achei ele muito entendiante e chato... Mas cada um com sua opnião, certo?

    Bjão,
    http://geekeover.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena que você não gostou. Mas nem todo mundo gosta da história. :/

      Excluir
  7. Oi!

    Eu li faz alguns anos, mas lembro que na época não gostei muito do livro. Não que eu tenha achado a história ruim, mas o final não me cativou tanto assim. Porém, toda leitura é válida e tiramos algo bom, não é mesmo?

    Beijos.
    www.janeladesorrisos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, sim! Acho que o final poderia ter sido melhor, mas é uma história linda! <3

      Beijos

      Excluir

DEZOITO PRIMAVERAS - ONLINE DESDE 2012. DESIGN E PROGRAMAÇÃO POR MICHELLY MELO (Eu!). Todos os direitos reservados